Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Minha Depressão Ansiosa

Minha Depressão Ansiosa

O AMOR CURA

Ouvi esses dias que o amor cura a alma, cura a dor, cura o corpo. Todos nós merecemos um pouco de amor para que sejamos mais leves, mais vivos, mais empáticos e presentes.
Estou descobrindo aos poucos que o amor está fazendo essa mudança em mim, estou mudando, pois estou praticando o amor próprio e ele está fazendo diferença.
Uma pessoa ansiosa como eu tende a sofrer diariamente, mas quando você muda seu foco, olhando pra dentro com calma e aceitando todas as situações com menos culpa a coisa começa a fluir. Estou sentindo na pele... Tem dias que ainda me sinto uma derrotada, triste, mas paro e penso que preciso me reerguer antes que seja tarde, preciso me amar pois sou parte de Deus e ele quer que eu me ame. Escuto uma música e sigo, mesmo com a dor latente ando tentando.
Tentar todos os dias em meio a solidão é uma loucura, mas tô aqui!

Não tá sendo fácil não, mas seguimos e espero que você que passa pelo mesmo tente também!
Persistir é o segredo, força para nós.

Refletindo

Faz tempo que não consigo escrever, mas aqui estou.
Hoje não quero falar sobre minha pessoa, quero escrever sobre o mundo, isso mesmo, o mundo, a vida nele.

Como já sabem me sinto um pouco diferente, mas em uma tarde de domingo conversando com um amigo na praia, falando sobre mil coisas, pessoas, interesses descobrimos que nossas ideias batiam sobre como existe uma Unidade, uns chamam de Deus, Olorum, Força, Luz, enfim... Utilizamos vários nomes, mas isso tudo está em tudo, transforma tudo.
Ele está em você, em mim, na plantinha que cresce, na beleza do oceano, na vida... Por tudo que fazemos ele se apresenta de maneira sutil e linda.

Quando cometemos um erro, conosco ou com nosso semelhante, estamos ferindo Deus, meu amigo disse e como isso é real não é mesmo?


Por isso estou aqui hoje, quantas vezes errei, fui injusta, grosseira, estúpida, apenas para inflar meu ego, meu ponto de vista, mas quem me garante que apenas meu ponto de vista é real? Existem milhares de realiadades que nos levam até Deus ou até os melhores atos, alías, estamos aqui por pura evolução, para aprender a ser nossa melhor versão todos os dias de nossas vidas. Jamais deveríamos retroceder, mas é exatamente isso que estamos vivenciando hoje.

Precisamos parar um minuto para refletir, urgentemente!!!

Tudo está acontecendo debaixo de nossos olhos e estamos estagnados, aceitando e até mesmo fazendo parte deste retrocesso, precisamos entender que o CERTO É CERTO, INDEPENDENTEMENTE SE TODOS ESTÃO FAZENDO ERRADO. O que mais nos falta pra entender que o errado pode ser satisfatório momentaneamente, mas e depois? A lei do retorno é real, a vida aqui é real e tem seus consequencias. Por que não tentar ser melhor? Será que vai ser tão difícil se esforçar pra fazer deste mundo um lugar melhor? Acredito que não!
O trabalho de formiguinha faz coisas incríveis... Se cada um tiver consciência e tentar corrigir seus atos, desde o mais simples é que pedir desculpas quando se errou com alguém, seja quem for. Já começa por aí.
É renovador pedir perdão, desculpas, entender que todos nós erramos na vida, mas podemos repensar, podemos transformar um dia de alguém e o nosso, temos o Poder de auxiliar na melhora do mundo todo!

Então eu peço de todo coração que repense sobre quem está sendo nessa oportunidade de vida, está agindo como se fosse parte de Deus ou apenas está aqui a passeio, sem deixar nenhum legado de bondade e amor, pois Deus é amor! 

Emane AMOR!

Mais Uma Aventura Amorosa

Por falar em amores, pois minha vida parece uma novela, entrei em mais uma relação amorosa, este ano bati o recorde. Mas este em específico me trás um sentimento bom, fico muito confortável ao lado dele, as vezes meio intimidada, mas feliz.
Só que sou tão confusa todas as vezes, que me perco, começamos a sair como amigos para dançar, só que chegou a um ponto onde nossa conexão era muito forte e acabou rolando algo a mais, esse algo a mais é muito bom, é divino, pois o beijo encaixa, o abraço, os gostos, o sexo... É tão bom que não sei explicar!
A questão é... Não sei se ele sente o mesmo, talvez eu esteja sentindo tudo isso sozinha... 

Infelizmente eu estou com medo, medo dele sumir, medo que ele me veja de formas ruins, eu criei uma barreira de mil e um tipos de medo que me impedem de ser feliz... Por mais que eu queira que isso fique mais sério, na verdade não quero. Então sofro por antecedência que possa dar certo, mas também que ele vá embora como muitos já se foram, como fui deixada com uma criança de 11 meses. O fato é que não sei o que quero de verdade e neste momento estou pensando em sumir da vida dele, faltando 2 dias para o natal.

Queria ser segura de mim!

Falta

Não sei vocês, mas eu não consigo escrever todo dia... Hoje mesmo, pelo menos até essa hora estou com dificuldades para expor sentimentos, para falar sobre qualquer assunto.

Acho tão estranho isso, alguns dias as palavras surgem como a vontade de comer.

Como é Ser Sentimental

Hoje pensando bem já que é o dia mundial da gentileza, sincronizei meus pensamentos e percebi que amo meu lado sensível, romântico, meigo, que adora ser util e gentil. Sou puro sentimento, mesmo não aparentando nada disso. Quem me conhece, sabe que sou meio atrapalhada, desbocada, palhaça, mas por dentro sou só sentimento.

Isso me torna um pouco vulneravel, meio frágil até, mas também me torna distinta em meio a tanta gente igual, amarga, seca e estúpida, que maltrata de graça e ainda sorri.

Gosto de olhar o mar, sentir o cheiro, a brisa que ele proporciona e faz regenerar. 
Percebo o céu juntamente das nuvens que por ele passa e vejo que existe o além.
O rio é gelado, tem um movimento bravo, intenso, mas que significa amar.
Olho os animais e neles a pureza.
As crianças eu faço questão de observar com tamanho carinho, olho os pézinhos, as mãozinhas, a delicadeza no olhar e a sinceridade impar no falar.

A vida significa um instante e nele tudo se vai.

Já praticou Yoga? Se não.Tente! Verás que é uma caixa de surpressa imensa, te trás pra dentro em poucos instantes, em apenas uma postura da criança!

Ser sentimental parece meio banal, só que faz tudo significar algo maior do que os olhos podem ver, enxergo com a alma o que quase ninguém quer saber.

Tempo, meu tempo!

Vivemos com pressa em conhecer pessoas, amores e tudo mais, mas esquecemos que é no tempo, com o dia após dia que conhecemos de verdade, que entendemos o outro. As vezes se passam anos e não conhecemos nem 50% daquela pessoa que apostamos todas nossas fichas. Até porque nós pessoas, somos flexíveis, estamos em constante mudança durante toda a vida; hoje podemos amar incondicionalmente tal comida e amanhã simplesmente odiar aquele cheiro e assim por diante.

A vida é como uma montanha russa, como as ondas do mar, como um escorregador em um parquinho simples!

O tempo é relativo e eu sou inconstante.

Olhando para Mim

Tenho a certeza que quando olho para mim, para quem sou hoje, fico com milhares de questionamentos.
Preciso dizer que quando olho para trás e vejo outra pessoa, tenho vergonha do eu agora. Se tivesse  como voltar no tempo e me dar um conselho, seria:  Por favor, não abandone sua vida toda por ninguém, nunca; termine a faculdade a todo custo, mas pense bem se é esse o curso que tanto almeja, foque na espiritualidade, pois ela te fará ser melhor.

Esse recadinho mudaria tudo!

Mas, ao mesmo tempo eu imagino que nada nas nossas vidas poderia ser diferente do que já foi ou do que já é, mas sim do que será. 
Então, não adianta tanta lamentação, até porque nossas histórias nos moldam e nos trazem aqui.
É engraçado a forma que tudo isso me afeta, tanto ao ponto de não aceitar nenhuma professora do ensino médio, por medo, vergonha do que me tornei, por ser mão solteira e não ter terminado a graduação, aliás, eu era uma aluna muito boa. Me sinto dimunuída.
Sei que não deveria agir e nem pensar assim, ninguém deve agir assim, pensar essas coisas negativas de si mesmo, mas é tão mais forte que eu. Parece que eu não vejo as outras qualidades que tenho, a boa mãe que tento ser, a boa filha, uma pessoa que tenta ao máximo agir pelo correto, eu mesma me coloco abaixo das outras pessoas como se isso fosse natural. Não é!
Espero entender e colocar em prática tudo que prego como "politicamente correto" aos outros, na minha vida!

Me sinto tão confusa!


 

Como Me Sinto

Diagnosticada como uma pessoa depressiva posso dizer que são dias de luta e dias de glória.
Tem dias como hoje que são irritantes, cheio de angustias e tristeza.
Por mais que eu me esforce, não funciona... Não sei como as outras pessoas se sentem, mas eu sinto como se um balde de água gelada estivesse caindo sobre minha alma, fico praticamente paralisada. Em um tom de vida amargo e cinza. 


Não encontro paz em canto nenhum e me descambo a chorar, lamentar... Espero um dia superar ou até encontrar alguém que me mostre um mundo melhor, mais ameno, onde o amor seja o motivo principal para tudo que existe... Sou um instante perdido na linha do tempo! Ainda sou sonhadora, restou isso de mim e espero o amor mais lindo chegar, aquele que olho com intensidade, que me entrego sem medo, que irá me tornar romântica novamente. O amor que gosto de olhar com aparência e com intelecto... Um amor pra vida toda que fará minhas lagrimas secarem e meus dias mais felizes, todos os dias, mesmo após uma discussão ainda sentir que o amor está ali, sem medo de perder, de ir. Porque sabemos que é infinito, inquebrável... Neste mundo de gente que acha natural casar várias vezes, eu sou o distinto. Casamento é apenas um, amor se constrói com cuidado, com persistência e coragem. As duas pessoa precisam querer e saber que desistir após um juramento é incabível. 
Quero, acredito e espero por esse amor, me salvando desta dor, deste mundo, de mim mesma.

Gastamos Energia Com Quem Não Devemos.

É complicado você sentir que está começando a gostar de uma pessoa, mas a pessoa não demonstra interesse, demonstra pessoalmente, conversa, diz, mas no dia seguinte você fica a mercê do tempo, sem saber o que fazer, como fazer.

A insegurança bate, não recebe nem mesmo uma mensagem de bom dia, dormiu bem, como foi o dia. Parece besteira não é mesmo?
Só que pra quem sente demais machuca, vai corroendo e a mente parece que inventa de lembrar as coisas boas que vivenciou, ela insiste em focar nas coisas boas, nas melhores lembranças, mas se parar e colocar na balança, o que pesa são as partes em que saiu machucada, com autoestima baixa, se perguntando o que eu fiz como cheguei aqui.

Pior ainda é gastar energia conversando, explicando seu ponto de vista de como quer levar as coisas, a pessoa parecer compreender tudo claramente, expõe que também tem a mesma intenção, mas na verdade era ilusão. A mentira da conquista barata que homens utilizam pra te comer. Fato!

Você fica trocando energia, a sua preciosa energia com quem não merece e no final das contas te sobra crises de depressão.

Filho

Sei que esse blog não é para esta finalidade, falar sobre filhos, mas quero relatar essa dificuldade que passamos e sei que muitas mães passam e ficam perdidas como eu fiquei.


Meu filho me deu um baita trampo a algumas semanas.
Vou falar algo que talvez um dia quando ele crescer e ler me xingue, mas espero que compreenda, pois se alguma amiga/colega ou pessoa próxima passar por isso saiba como agir ou tente através deste post.

Dificuldade em evacuar.
Em um dia ele ficou ressecado e sentiu dor ao evacuar, com isso ficou com medo e não queria mais ir ao banheiro de forma alguma (pesquisei na internet e várias mães passam por isso com crianças de 2, 3 e até 6 anos). Não era um simples não quero fazer o número 2, eram gritos, se debatia, se contorcia de dor, chorava e eu mudando a alimentação, rezando, imaginando o que fazer pra amenizar essa dor e o medo que ele sentia. Conversei com amigas, me ajudaram com incentivo, até com historinha do coco, usei! Mostrei vídeos pra ele de como funciona o intestino, criancinhas indo ao banheiro, criei histórias novas, sentei inúmeras vezes no banheiro com ele, também perdi a paciência por não saber o que fazer. Mas chegou um ponto que ele chorava muito de dor e fomos ao médico, fez lavagem, raio x. Saiu de lá lindo, pleno! Mas a história continuou, 7 dias sem ir ao banheiro, dores constantes, evitava fazer xixi no banheiro para não ter que sentar na privada. Massagem para relaxar, conversas, banho de assento bem quentinho, sopa, frutas, Buscopan, azeite e nada. Usei da chantagem e nem assim. Até que um dia fui tomar banho com ele, conversando, ele disse que queria fazer coco, perguntei calmamente se ele queria na privada, bem bravo disse que não, então falei pra ele fazer ali mesmo e deu "certo", fez ali mesmo, mas pouco. (Gritou de dor ao fazer tadinho) e eu em prantos sem que ele percebesse minha fraqueza. Passou mais um dia e médico, outra lavagem, essa foi difícil, 3 pessoas segurando, mas saiu tudo que estava preso. Foi terrível! Dei um banho no hospital mesmo e fomos embora, com uma receita cheia de medicamentos e até para verme.

Enfim, depois de mais ou menos 4 dias ele com muita calma, mas receoso disse que queria ir no banheiro, sentei ele na privada e percebi que era o bendito que queria sair kkk ele olhou nervoso pra mim, pedindo pra levantar, calmamente eu expliquei que agora não ia doer tanto, mas ia sim doer, acho que seria muito pior mentir ou enganar.

Acredito muito que Não mentir é a base pra que qualquer criança confie, peguei nas mãozinhas dele e deu certo... Aos poucos voltamos ao normal, foi como um desfralde do medo. O medo foi o início de tudo, mas passou porque ele confiou em mim e eu nele.


Espero de coração que quem esteja passando pelo mesmo, tenha calma, paciência e consiga juntamente com sua criança aos pouquinhos voltar ao normal!

bjs.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Favoritos

Posts mais comentados

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub